DOAR AGORA

Campos de trabalho realizam intercâmbio

Campos de trabalho realizam intercâmbio
31 de março de 2016 zweiarts

É prática das/dos assessoras/es do COMIN fazer intercâmbios entre seus Campos de Trabalho, para trocas de experiências, aprofundamento de diálogos e conhecimentos com os povos indígenas.

Em junho de 2015, a assessora Jandira Keppi, que atua em Rondônia através do Projeto de Assessoria a Povos Indígenas de Rondônia, visitou a Assessoria em Saúde e Alimentação, que atua junto aos povos Kaingang e Guarani, na Terra Indígena Guarita, no Rio Grande do Sul, tendo a oportunidade de conversar com professores/as Kaingang sobre a política de educação escolar indígena de Rondônia.

Nos dias 05, 11 e 12 de março de 2016, foi a vez da assessora Noeli Falcade, da Assessoria em Saúde e Alimentação, visitar Rondônia, especificamente o povo Karo Arara, no município de Ji-Paraná, nas suas duas principais aldeias, Paygap e Iterap.

O estranhamento em relação ao calor, umidade, estradas, lamas e pontes foi natural. Foram feitas duas visitas na aldeia Paygap, dias 05 e 11 de março, e uma visita na Iterap, dia 12 de março.

Na Paygap, homens, mulheres e crianças receberam Noeli Falcade ao ar livre, debaixo de uma frondosa árvore de manga, conversando sobre seu trabalho com os Kaingang e Guarani. Na segunda visita, usaram o data show no prédio da escola, onde puderam ver fotos dos parentes do sul e o trabalho realizado pelo COMIN naquela região.

Foram muitas perguntas e interrogações acerca do assunto. Os/As indígenas gostam muito de saber como vivem os parentes de outras regiões, seus costumes, organizações e, neste caso específico, como é o trabalho das mulheres Kaingang e Guarani.

A comunidade Paygap considera muito importante conhecer outras culturas indígenas e reafirmar que todas são fundamentais para fortalecer a identidade de cada povo. A visualização das fotos possibilitou um intenso diálogo entre os Karo Arara.

Na aldeia Iterap, a roda de conversa também aconteceu de forma muito espontânea. Em um salão comunitário, mulheres e lideranças do povo Karo Arara perguntavam sobre o trabalho do COMIN com outros povos, bem como relatavam sobre si mesmos/as, suas histórias e saberes tradicionais. Foi uma tarde muito intensa de falar e ouvir: falar sobre o trabalho realizado, sobre alguns elementos da cultura Kaingang e Guarani e ouvir muitos relatos de como a comunidade e as famílias da Iterap se organizam.

Importante ressaltar que o intercâmbio entre campos de trabalho, além de possibilitar o diálogo e as trocas de saberes entre jovens e adultos, aproxima as crianças, que logo se entendem nas brincadeiras. Ana Laura, filha de Noeli, participou da visita. O lúdico faz parte das culturas distintas e dialoga por si.

As duas comunidades indígenas visitadas ficaram muito felizes e agradeceram o COMIN por proporcionar este momento de socialização. Uma liderança expressou que este trabalho é muito bom e que receber visitas e saber de outros povos, contribui para que a comunidade se analise e, se possível, encaminhe soluções para questões locais, no intuito de melhorar o grupo.

Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this
eskişehir escort - escort eskişehir - mersin escort - izmir escort - bursa escort bayaneskişehir escort - escort eskişehir - mersin escort - izmir escort - bursa escort bayan