NOTÍCIAS
ANTERIORES
Atividade com docentes reflete sobre a educação e o aprendizado com os povos indígenas
20/11/2019 - Informes

Na noite de segunda-feira (18), a assessora de projetos do COMIN, Kassiane Schwingel, participou da atividade “Bate-papo com a Infância”, realizada no Colégio Marista Pio XII, em Novo Hamburgo (RS). Promovida pela Organização Mundial para a Educação Pré-Escolar em Novo Hamburgo (Omep/NH), o encontro contou com a participação de professoras e professores da rede municipal de ensino das cidades de Campo Bom, Estância Velha, São Leopoldo e Novo Hamburgo.

O bate-papo teve o objetivo de repensar a forma como não indígenas compreendem e enxergam a educação nos povos indígenas, pensando em possibilidades de atuação nas escolas não indígenas que leve em conta esse tipo de aprendizado, principalmente na Educação Infantil. Para discutir sobre a oportunidade de aprender com os povos indígenas, Kassiane tratou sobre os próprios materiais desenvolvidos pelo COMIN juntamente com as comunidades e pessoas indígenas, além de relatar vivências da equipe com os povos indígenas.

“A provocação é perceber que termos que estão na moda, como desemparedar, brincar na natureza ou brincadeiras heurísticas, sempre foram práticas educativas e vivências das crianças e dos povos indígenas. O que hoje é teorizado e recebe nomes técnicos já é vivido pelos povos indígenas há bastante tempo e eles entendem a importância e o valor disso. Por isso, é preciso também dar o crédito a eles do que hoje vemos como um avanço na educação”, ressaltou a assessora.

O COMIN já havia trabalhado com a Omep através da doação de materiais da Semana dos Povos Indígenas e de cartilhas para trabalho com a Educação Infantil que compuseram as malas do projeto Brinquedoteca Multicultural.