NOTÍCIAS
Lançamento do Caderno da Semana dos Povos Indígenas 2016
19/03/2016 - Institucional

Na bela tarde ensolarada do dia 17 de março, ocorreu, na Escola Indígena de Educação Básica Vanhecú Patté, localizada na Aldeia Bugio, da Terra Indígena Laklãnõ/Xokleng, em José Boiteux/SC, o evento de lançamento e entrega oficial do “Caderno da Semana dos Povos Indígenas 2016 – Laklãnõ/Xokleng, o povo que caminha em direção ao sol” aos/às alunos/as e professores/as da E.I.E.B. Vanhecú Patté e para a comunidade da Aldeia.

No evento realizado pelo Conselho de Missão entre Povo Indígenas - COMIN, pela E.I.E.B. Vanhecú Patté e pela comunidade da Aldeia Bugio, estiveram presentes na cerimônia de abertura o Cacique Regional da Aldeia Bugio, Isaías Weitchá, o Vice-Cacique Presidente da Terra Indígena Laklãnõ, Caruzo Patté, o Diretor da E.I.E.B. Vanhecú Patté, Rodrigues Pinto Reis, o Diretor da E.I.E.B. Laklãnõ, Abraão Patté, a representante da Coordenação do COMIN e responsável pelo Programa de Formação e Diálogo Intercultural e Inter-religioso e Publicações do COMIN, Cledes Markus, a Assessora e o Assessor de Projetos do COMIN junto à TI Laklãnõ, Janaina Hübner e Jasom de Oliveira, o Vice-Prefeito de José Boiteux, Lourival de Carvalho, a Secretária de Educação, Cultura e Esporte de José Boiuteux, Daiane Mondini, e a Gerente de Educação da Secretaria de Desenvolvimento Regional de Ibirama, Isolânia Wippel.

Durante a Cerimônia de Abertura, as autoridades destacaram a importância do material para o conhecimento da história e cultura Laklãnõ/Xokleng na região e no Brasil, enfatizando que as culturas indígenas são tão importantes quanto as demais culturas presentes no Brasil e, consequentemente, devem ser conhecidas, reconhecidas e valorizadas. Nas palavras da Gerente de Educação Isolânia Wippel, a diversidade cultural enriquece a sociedade.

No evento de lançamento, a E.I.E.B Vanhecú Patté realizou apresentações culturais, como a declamação do poema “Saudade”, que está presente no Caderno, e a apresentação de duas músicas cantadas no idioma Laklãnõ/Xokleng, em parceria com o grupo de música do Centro Cultural da Aldeia Bugio, além de um bonito momento de confraternização entre as pessoas presentes.

No ano de 2015, alunos/as e professores/as da E.I.E.B. Vanhecú Patté, o COMIN e a comunidade da Aldeia Bugio, desenvolveram o material da Semana dos Povos Indígenas de 2016. Neste material, a comunidade Laklãnõ/Xokleng reafirma aspectos valiosos de sua história e cultura, sendo o mesmo destinado para uso nas escolas indígenas e não indígenas, ou outros grupos que desejam conhecer as culturas e povos indígenas no Brasil. Este é um importante material de estudo também para o cumprimento da Lei 11.645/08, que inclui, no currículo oficial da rede de ensino público e privado, a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena”, em especial no Estado de Santa Catarina, onde o Povo Laklãnõ/Xokleng vive.

A comunidade da Aldeia Bugio considera o material um importante meio de se expressar e registrar seus conhecimentos e esperam poder desenvolver mais materiais semelhantes, dando continuidade ao processo de pesquisa, sistematização e registro dos conhecimentos do seu povo. Para isso, o Cacique Regional Isaías Weitchá reitera a importância de o Estado Catarinense assumir mais o papel de apoiador na produção de materiais didáticos e paradidáticos junto aos povos indígenas, que sirvam tanto para as escolas indígenas como para o conhecimento das culturas indígenas em escolas não indígenas.

Dando continuidade ao calendário de lançamento do Caderno da Semana dos Povos Indígenas 2016, o COMIN estará promovendo eventos interculturais de divulgação do material na região do Vale do Itajaí, em Santa Catarina, com alunos/as e professores/as da E.I.E.B. Vanhecú Patté.

A primeira impressão do material da Semana dos Povos Indígenas 2016 é de 40 mil cópias e serão entregues 10 exemplares gratuitos às escolas ou grupos que o solicitarem junto ao COMIN. Para maiores informações, acessar o site comin.org.br.

O COMIN parabeniza os/as alunos/as e professores/as da E.I.E.B. Vanhecú Patté e a comunidade da Aldeia Bugio pelo belo e importante trabalho desenvolvido e agradece a parceria.