NOTÍCIAS
Convite para Seminário com professor indígena Dr. Gersem Baniwa
14/06/2013 - Informes

O Dr. Gersem Baniwa é antropólogo do povo indígena Baniwa, do município de São Gabriel da Cachoeira, um dos poucos municípios brasileiros que, além do português, tem mais três línguas oficiais, entre as quais a língua baniwa. Como antropólogo indígena, o Dr. Gersem é um estudioso das sociedades não indígenas, invertendo assim uma situação corriqueira da antropologia, em que antropólogos e antropólogas "brancas" estudam as sociedades indígenas. Por longos anos, ele foi o representante dos povos indígenas na Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação. Muito querido por seus pares no conselho, Gersem demonstrou que a educação escolar indígena era uma das mais empenhadas por uma educação pública de qualidade e com respeito à diversidade cultural brasileira. O Dr. Gersem Baniwa está na Faculdades EST, em São Leopoldo, como professor do Curso Lato Sensu "Educação, Diversidade e Culturas Indígenas" promovido pelo COMIN em parceria com a Faculdades EST. Esse curso reúne profissionais da área educacional escolar interessados em se qualificar para atender a lei federal 11.645/08, pela qual todas as escolas das redes públicas e particulares devem incluir em seus currículos "História e Cultura Indígena". O curso está com 34 estudantes, dos quais 9 são indígenas de três diferentes etnias e estados. A docência no curso também é compartilhada entre indígenas e não indígenas, o que faz desse curso uma oferta singular no atual contexto de formação de quadros para a implementação da referida lei federal. O seminário do dia 24 de julho é uma oportunidade única para conversar diretamente com alguém muito bem informado e familiarizado com a educação escolar indígena e com o processo de implementação da lei federal sobre história e cultura indígena no país.