NOTÍCIAS
Curso da Pastoral da Criança na aldeia Deni Morada Nova, município de Itamarati - AM
21/12/2007 - Informes

Graças aos recursos de  uma coleta nacional de todas as comunidades Evangélicas de Confissão Luterana no Brasil- IECLB-  em favor dos campos de trabalho do Conselho de  Missão entre Índios - COMIN-, foi possível a realização, nos dias 12 a 16 de novembro de 2007, de um curso da equipe da Pastoral da Criança de Carauari na aldeia Deni Morada Nova no rio Xeruã, município de Itamarati-AM. Para isso, os Deni e o COMIN convidaram Josefa Terezinha Ribeiro da Silva, Rosângela de Amorim Cardoso e Antônio Silva Batista, da Pastoral da Criança de Caraurari, para coordenar e ministrar o curso em Morada Nova. Antônio Pereira do Nascimento e Francisco dos Santos Amaral, da equipe do Conselho Indigenista Missionário- CIMI- de Tefé, que trabalham com os Deni também colaboraram no curso.

Os agentes de saúde de indígena Deni já tinham visitado o trabalho da equipe em Carauari em 2006 e conheciam a multimistura e seus efeitos benéficos nos casos de subnutrição infantil.  Mas queriam eles mesmos fazer a multimistura e queriam também que as mulheres nas aldeias aprendessem. Assim, houve uma troca de experiência com ervas medicinais. Um rezador Deni mostrou algumas plantas importantes e o tratamento com barro.  Os Agentes de Saúde Indígena (AIS) aprenderam a ler a tabela do peso ideal das crianças, a importância dela para uma eventual desnutrição. E para praticar a pesagem das crianças. A participação das mulheres foi muito boa e elas avaliaram que a partir desse curso querem colaborar mais com os AIS e não esperar em muitos casos de doenças só por eles.

Além da aprendizagem da multimistura, do xarope e do sabão o curso trouxe uma troca de saberes sobre o cuidado com as crianças em geral, que é o objetivo geral da atuação da Pastoral da Criança no Brasil.. A Pastoral trouxe brinquedos, brincadeiras e cantos de roda que foram bem recebidos pelas crianças Deni. Por sua vez, a equipe da Pastoral admirou-se de como os Deni cuidam e tratam as suas crianças

O resultado do curso foi além da expectativa de todas as partes. Os 33 participantes Deni, entre eles os cinco Agentes Indígenas de Saúde  e mais representantes mulheres e homens das quatro aldeias do rio Xeruã aprenderam fazer a multimistura com a folha de macaxeira, fubá, farelo de trigo, casca de ovo, sementes de abóbora e sementes de melancia, o sabão e o xarope. O COMIN conseguiu em Manaus cinco moinhos manuais de cereais para a multimistura que ficaram com os AIS.

Uma novidade para os Deni foi o ensinamento de algumas dicas para uma comida regional e o aproveitamento de partes de tubérculos e a casca da banana que normalmente são jogados fora.  Na avaliação, Adira Deni resume: Eu não sabia que posso usar tudo isso para a alimentação. Não vou jogar mais nada fora, a casca da banana, do ovo e a folha de macaxeira são boas para a saúde e são gostosos. O Dr. Nelson Arns Neumann, da Pastoral da Criança Nacional, destaca em um dos boletins da entidade que a multimistura não resolve tudo e é importante aproveitar as frutas, verduras e alimentos regionais.  Ele constata: Vemos na Pastoral da Criança que o milagre não é da multimistura, o milagre é do líder que com sua dedicação, entusiasmo, alegria, conhecimento, partilha e fé remove montanhas.  Os Deni, que  têm sobre tudo isso na sua sabedoria milenar convidaram a equipe a dar cursos nas outras aldeias. O curso foi uma experiência ecumênica bem sucedida de troca de conhecimentos e saberes.